Pesquisar neste blogue

segunda-feira, maio 13, 2013

Ordens de Batalha da Marinha Real Portuguesa-1798 -1800 (II)

Frota Aliada do Mediterrâneo
(20 de Maio de 1799)


Em Abril de 1799, a Esquadra francesa de Brest, comandada pelo Almirante Bruix e composta de 24 navios de linha, furou o bloqueio inglês, e dirigiu-se para Cádis, onde frente à reacção de outra força naval comandada pelo Almirante Keith, penetrou no Estreito de Gibraltar. Imediatamente os britânicos eram forçados à defensiva, em Minorca, Nápoles e Sicília, e ainda com as necessidades do bloqueio de Malta e do Egipto. O Almirante Jervis abandonou Cádis, deslocando-se para Minorca e aí se reunindo à força de Duckworth, a outra concentração britânica era comandada por Nelson, ao largo da Sicília, com os elementos navais portugueses. O inimigo franco-espanhol apresentava-se em três grupos:

a) Esquadra de Bruix, de 24 navios de linhas, perseguida por Keith.

b) Forças espanholas em Maiorca e na Catalunha, que se dizia estarem preparando a invasão de Minorca, vigiadas por Jervis.

c) Frota espanhola de Cádis, com 17 navios, que zarpou, livre do bloqueio, para Cartagena.

Após levar abastecimento a Génova, Bruix teve ordem de voltar ao Atlântico, o que fez, recolhendo os navios espanhóis em Cartagena, e perseguido por Keith. Nelson permanecia na Sicília, enquanto os Bourbons reconquistavam Nápoles, facilitados pelo avanço russo-austríaco na Lombardia.

A paz com Tripoli e Túnis


Quando os navios luso-ingleses estavam em Palermo, o Comandante português Marquês de Niza aproveitou a presença do cônsul britânico de Tripoli, que viera buscar instruções de Nelson, para “...obter uma paz vantajosa, podendo o mesmo cônsul servir de medianeiro.” Para esta missão, foi designada em Abril de 1799 a Nau 'Afonso de Albuquerque'. Após negociações infrutíferas o comandante da nau, Donald Campbell, passou a bloquear o porto, fez presas e bombardeios, conseguindo arrancar do Paxá Yussef um armistício e um Tratado de Paz, a 14 de Maio, ratificados a 10 de Agosto de 1799. Outro tratado foi celebrado com o Bey de Túnis, através do Almirante Rodrigo Pinto Guedes, a 29 de Junho, e ratificado a 29 de Setembro desse ano.

Frota Anglo-Portuguesa do Mediterrâneo
(12 navios de linha - 892 peças de artilharia e 7.504 homens)
Comandante-em-Chefe da Frota
Contra-Almirante H. Nelson
Segundo-Comandante da Frota
Contra-Almirante Marques de Niza


Primeira Esquadra
(6 navios de guerra – 6 navios de linha – 442 peças de artilharia e 3.632 homens)
Comandante
Contra-Almirante H. Nelson
(Comandante-em-Chefe da Esquadra)

Navio de Linha Vanguard
(Navio Almirante)
Contra-Almirante H. Nelson
(Comandante da 1ª Esquadra)
Capitão-de-mar-e-guerra Berry
(Comandante do navio)
(Armamento – 74 peças de artilharia e 696 homens)
Armamento da Nau na campanha do Mediterrâneo – 1799 – 74 peças de artilharia – 28 peças de 36 libras, 28 peças de 10 libras, 12 peças de 4 libras, 14 obuses de 48 libras e 2 obuses de 24 libras.

Navio de Linha Afonso de Albuquerque
Comodoro Donald Campbell
(Comandante do navio)
(Armamento – 74 peças de artilharia e 676 homens)
Armamento da Nau na campanha do Mediterrâneo – 1798 a 1800 – 74 peças de artilharia – 28 peças de 36 libras, 28 peças de 24 libras, 12 peças de 4 libras, 14 obuses de 48 libras e 2 obuses de 24 libras.

Navio de Linha Culladen
Capitão-de-mar-e-guerra T. Troubridge
(Comandante do navio)
(Armamento – 74 peças de artilharia e 590 homens)
Armamento da Nau na campanha do Mediterrâneo – 1799 – 74 peças de artilharia – 28 peças de 36 libras, 28 peças de 10 libras, 12 peças de 4 libras, 14 obuses de 48 libras e 2 obuses de 24 libras.

Navio de Linha Zealous
Capitão-de-mar-e-guerra Samuel Hood
(Comandante do navio)
(Armamento – 74 peças de artilharia e 590 homens)
Armamento da Nau na campanha do Mediterrâneo – 1799 – 74 peças de artilharia – 28 peças de 36 libras, 28 peças de 10 libras, 12 peças de 4 libras, 14 obuses de 48 libras e 2 obuses de 24 libras.

Navio de Linha Alexander
Capitão-de-mar-e-guerra A. J. Ball
(Comandante do navio)
(Armamento – 74 peças de artilharia e 590 homens)
Armamento da Nau na campanha do Mediterrâneo – 1799 – 74 peças de artilharia – 28 peças de 36 libras, 28 peças de 10 libras, 12 peças de 4 libras, 14 obuses de 48 libras e 2 obuses de 24 libras.

Navio de Linha Swiftsure
Capitão-de-mar-e-guerra B. Hallowell
(Comandante do navio)
(Armamento – 74 peças de artilharia e 590 homens)
Armamento da Nau na campanha do Mediterrâneo – 1799 – 74 peças de artilharia – 28 peças de 36 libras, 28 peças de 10 libras, 12 peças de 4 libras, 14 obuses de 48 libras e 2 obuses de 24 libras.


Segunda Esquadra
(6 navios de guerra – 6 navios de linha – 450 peças de artilharia e 3.872 homens)
Comandante
Contra-Almirante Marques de Niza

Nau de Linha Príncipe Real
(Navio Almirante)
Contra-Almirante D. Domingos Xavier de Lima, Marquês de Niza
(Comandante da 2ª Esquadra e Segundo Comandante da Frota)
Comodoro Conde de Puysegur
(Chefe de Bandeira)
Capitão-de-mar-e-guerra José Maria de Medeiros
(Comandante do Navio)
(Armamento – 90 peças de artilharia e 948 homens)
Armamento da Nau na campanha do Mediterrâneo – 1798 a 1800 90 peças de artilharia – 30 peças de 36 libras, 30 peças de 10 libras, 18 peças de 12 libras, 10 obuses de 48 libras e 2 obuses de 24 libras.

Nau de Linha São Sebastião
Comodoro Simpson Mitchell
(Comandante do navio)
(Armamento - 64 peças de artilharia e 564 homens)
Armamento da Nau na campanha do Mediterrâneo - 1798 a 1800 - 64 peças de artilharia - 26 peças de 36 pl. 26 peças de 8 pl. 8 peças de 12 pl. e 4 obuses de 48 libras.

Navio de Linha Goliath
Capitão-de-mar-e-guerra T. Foley
(Comandante do navio)
(Armamento – 74 peças de artilharia e 590 homens)
Armamento da Nau na campanha do Mediterrâneo – 1799 – 74 peças de artilharia – 28 peças de 36 libras, 28 peças de 10 libras, 12 peças de 4 libras, 14 obuses de 48 libras e 2 obuses de 24 libras.

Navio de Linha Orion
Capitão-de-mar-e-guerra J. Saumarez
(Comandante do navio)
(Armamento – 74 peças de artilharia e 590 homens)
Armamento da Nau na campanha do Mediterrâneo – 1799 – 74 peças de artilharia – 28 peças de 36 libras, 28 peças de 10 libras, 12 peças de 4 libras, 14 obuses de 48 libras e 2 obuses de 24 libras.

Navio de Linha Audacious
Capitão-de-mar-e-guerra D. Gould
(Comandante do navio)
(Armamento – 74 peças de artilharia e 590 homens)
Armamento da Nau na campanha do Mediterrâneo – 1799 – 74 peças de artilharia – 28 peças de 36 libras, 28 peças de 10 libras, 12 peças de 4 libras, 14 obuses de 48 libras e 2 obuses de 24 libras.

Navio de Linha Minotaur
Capitão-de-mar-e-guerra Thomas Louis
(Comandante do navio)
(Armamento – 74 peças de artilharia e 590 homens)
Armamento da Nau na campanha do Mediterrâneo – 1799 – 74 peças de artilharia – 28 peças de 36 libras, 28 peças de 10 libras, 12 peças de 4 libras, 14 obuses de 48 libras e 2 obuses de 24 libras.

Sem comentários:

Publicar um comentário

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.